domingo, abril 27, 2008

Concurso Público (Fundação Carlos Chagas)

para ampliar clique na imagem


O sonho do brasileiro é ter um emprego estável, uma remuneração digna e com garantias. O que mais pode dar isso ao cidadão comum hoje em dia, é uma carreira no serviço público.
Como não sou diferente de todo mundo, também quero meu lugar ao Sol. Tô chegando agora de mais um concurso público.
Fiz minha parte. Estudei, esquentei a cuca atrás de material e fui fazer a prova cheio de confiança.
Saí da prova na bronca, sem saber se fui bem. Quem faz uma prova tá ligado que no final das contas, sabe se vai bem ou não né. Teoricamente sabe, mas cheguei a conclusão que fazendo prova da Fundação Carlos Chagas não dá pra saber não.
Eu já passei em três vestibulares e nunca vi nada igual. Estão de "brincadeira".
Já começa errado, o cara já tá ferrado, desempregado, ou seja, a tensão é grande e pra começar a prova é uma hora esperando dentro da sala. É pra testar psicologicamente o cidadão, só pode. Os caras passam lista pra assinar, tiram digital, entregam caderno de questões e formulários personalizados um a um. Demora demais!
Começa a prova. Cara, 60 questões pra se fazer em 3 horas! Não dá! Quem faz prova de verdade, resolvendo realmente o exercício, lendo de fato a questão, não consegue fazer nada direito nesse prazo. Nesse tempo só com a resposta na mão.
Além do tempo ser escasso, as alternativas das questões são muito parecidas. Coisa de maluco, o candidato pode ir muito bem, ou muito mal. Depende muito mais de sorte do que de preparo.
Enfim, tô na batalha. Tendo sucesso ou não nessa prova de hoje não desisto, mas fica aqui meu profundo descontentamento com quem prepara, pensa, idealiza a prova da Fundação Carlos Chagas.

sexta-feira, abril 25, 2008

Virada Cultural 2008


No final de semana (amanhã e depois), acontece das 18 h do sábado até às 18 h do domingo, mais uma edição da Virada Cultural aqui em São Paulo.
A quarta edição do evento contará com mais de 800 apresentações, distribuídas em 26 diferentes espaços. Rola música, teatro, literatura. Enxurrada cultural.
Nomes como os de: Jair Rodrigues, Luiz Melodia, Jorge Benjor, Afrika Bambataa, Nelson Sargento e Rappin' Hood estão confirmados. Vale a pena é tudo na faixa.

Informações: (+)

quinta-feira, abril 24, 2008

The Very Best Of Tower Of Power: The Warner Years


Tower Of Power é mais uma grande banda de funk forte nos anos 60, 70. Essa época aí quem viveu deve ter muita saudade.
Ao longo do tempo passaram pelo grupo cerca de 60 músicos, mas nem por isso o nível do som caiu. Fazem show até hoje.
Esse play é um apanhado da carreira dos caras na gravadora Warner e conta com a conhecida faixa "What Is Hip".
Muita atenção no groove e nos metais da banda. É "enjoado". Toma!!

Crédito: (+)

The Very Best Of Tower Of Power: The Warner Years - Tower Of Power (2001)

1. You Got To Funkifize
2. What Happened To The World That Day
3. Down To The Nightclub
4. You're Still A Young Man
5. What Is Hip
6. So Very Hard To Go
7. This Time It's Real
8. Will I Ever Find A Love
9. Soul Vaccination
10. Time Will Tell
11. Below Us, All The City Lights
12. Don't Change Horses (In The Middle Of A Stream)
13. Willing To Learn
14. Only So Much Oil In The Ground
15. I Won't Leave Unless You Want Me To
16. You're So Wonderful, So Marvelous

Para baixar clique: PenseaRespeito

Ouvindo: Only So Much Oil In The Ground - Tower Of Power (The Very Best Of Tower Of Power: The Warner Years)

Tower of Power - What Is Hip (1973)

quinta-feira, abril 17, 2008

CRÉU

para ampliar clique na imagem

Eu não gosto de criticar ritmos, estilos musicais que eu não curto. É meio que se achar superior sem ser, mas eu não tô agüentando. A febre é geral. Deixa eu falar!
Tá um tal de Créu pra lá, Créu pra cá e eu curioso, claro, fui ver o que era esse negócio. Ah, o que é isso gente?! A criançada toda sexualizada, cheia de malícia e os pais não sabem o porquê. Criança imita o que vê.
O Créu é um cara achando que canta, com duas meninas dançando. Sinto muito se ofende quem gosta, mas isso aí não é música, é um convite à masturbação. Nada mais que isso.
A tal da Mulher Melancia tem uma bunda (passou na fila três vezes) que hipnotiza. É! Hipnotiza! Não vou dar uma de hipócrita e dizer que não vi o imenso "pandeiro", mas isso não é música, é outra coisa. Tem filme pornô que faz o mesmo efeito.


Ouvindo: Clear The Lane - Rage Against The Machine (Live&Rare)

Shaznay Lewis

para ampliar clique na imagem


Ouvindo: Yes All - The Sound Providers (Looking Backwards: 2001 - 1998)

Wilson Simoninha

para ampliar clique na imagem


Wilson Simoninha é um dos filhos do falecido cantor Wilson Simonal.
Era criança, mas lembro bem do Simonal pai cantando no programa do Raul Gil (já tô véinho) e posso falar, Wilson Simoninha não herdou do pai apenas o nome. Além do nome, vieram no DNA: uma incrível semelhança física, a voz e o ritmo que bem caracterizavam Wilson Simonal.
Eu acho legal quando um artista acerta a mão, no que se propõe a fazer. No som do cara se reconhece uma forte influência da black music americana, do samba, de mpb, da bossanova, enfim, Simoninha acertou na mosca. Toma essa!!



Volume 2 - Wilson Simoninha (2000)

1. Vinheta Abertura

2. Mas Que Nada Vinheta
3. Bebete Vãobora

4. É Isso Que Dá

5. Música Romântica

6. Agosto
7. Nanã (Camorra)

8. Aquele Gol
9. Lua Clara

10. Ter Você
11. Vou Buscar

12. Orgulho

13. Flor do Futuro

14. Eu e a Brisa


Para baixar clique:
PenseaRespeito



Sambaland Club - Wilson Simoninha (2002)

1. Seja Bem-Vindo (Abertura)

2. Mais Um Vira-Lata
3. Rei de Maio
4. Mais Um Lamento

5. Essência

6. Saudade Machuca

7. Pot-Pourri- Ela É Carioca-Samba Do Carioca-Feitinha Pro Poeta
8. Barbarella 2001
9. Tudo Faz Sentido
10. Quem Sou

11. Vinheta Wilson Simonal

12. Tributo a Martin Luther King

13. Seja Bem-Vindo (Encerramento)

14. Entrevista


Para baixar clique: PenseaRespeito



Introducing Wilson Simoninha Live Session At Trama Studios - Wilson Simoninha (2004)

1. Seja Bem-Vindo
2. É Isso Que

3. Lá Vem O Homem

4. Bebete Vãobora

5. Flor do Futuro

6.Happy Hour À Beira Mar

7. Pout-Pourri Aquele GolNaná

8. Essência

9. Mais Um Lamento

10. Mais Um Vira-Lata

11. Caminhos Cruzados

12. Rei de Maio

13. Tributo a Martin Luther King


Para baixar clique: PenseaRespeito

Ouvindo:
Flor do Futuro - Wilson Simoninha (Volume 2)


quarta-feira, abril 16, 2008

Wilson Simoninha em estúdio

Wilson Simoninha ao vivo - É isso que dá

Bobinho esse Simoninha né. Olha o nível da banda que toca com o cara. Só fera.

terça-feira, abril 15, 2008

Pára que a Fernanda quer jogar!!!

para ampliar clique na imagem

E a Fernanda Venturini hein?

A talentosa levantadora, há um ano sem atuar em clube, vem agora a poucos meses do início da Olimpíada, dizer que se coloca a disposição pra jogar pela seleção brasileira de volei. Bela bomba ela jogou pro técnico José Roberto Guimarães.
Se ele a levar tem gente que vai falar, se ele não levar a jogadora também terá críticos severos. Eu sou da corrente que acredita que ele não tem que levar não. Corre o risco de desestabilizar o restante do grupo e outra, esse "quero jogar" agora soa meio pretencioso nessas alturas do campeonato. Tá "forgada" a Fernanda.

Fonte: (+)

Ouvindo: If You Only Knew - Jurassic 5 (Power in Numbers)

Toca-Discos & Microfones - Monarckas


Vou mandar um som de uma galera aqui da leste. O Monarckas.
Eu nem conheço os caras, foi um camarada que me mandou as músicas, gostei e tô postando. Como já disse antes, é a condição pro PenseaRespeito ajudar na divulgação do trampo.
É ritmo e poesia, a voz da periferia que vai chegando a todas as camadas. É bem verdade que há quem se ofenda, que fique incomodado com as rimas. Paciência, a grande maioria é picada pelo bichinho. É o vírus. É rap. Toma!!

Toca-Discos & Microfones - Monarckas

1. Plaztikuzmagikuz
2. Aventuras
3. Nova História
4. Na Palma
5. Hip-Hop Clássico

Para baixar clique: PenseaRespeito

Ouvindo: Hip-Hop Clássico - Monarckas (Toca-Discos & Microfones)

Plaztikuzmagikuz - Monarckas

Now - Maxwell


Now - Maxwell (2001)

1. Get To Know Ya

2. Lifetime

3. Was My Girl
4. Changed
5. Noone

6. For Lovers Only
7. Temporary Nite
8. Silently
9. Symptom Unknown

10. This Woman's Work

11. NowAt The Party


Para baixar clique: PenseaRespeito

Ouvindo:
Changed - Maxwell (Now)

Maiô da Mizuno

para ampliar clique na imagem


Olha aí a resposta da Mizuno ao LZR Racer da Speedo. É bom que a Speedo tenha aproveitado bem a exposição, porque essa coisa de novidade é muito breve. Logo toda grande marca terá seu maiô de velocidade com caracteristicas muito parecidas ao LZR. É o "nada se cria, tudo se copia".

Ouvindo: Victim of a Foolish Heart - Joss Stone (The Soul Sessions)

sábado, abril 12, 2008

Synkronized - Jamiroquai


O baixista Stuart Zender saiu da banda durante as gravações desse disco, dizem que o motivo da saída foi grana. Vai saber. Porque saiu realmente eu não sei, o que sei é que: Sem ele, na minha opinião, pro meu gosto pessoal, o Jamiroquai piorou a partir daí, ficou ainda mais Jay Kay. Ruim não é, mas já foi melhor. Toma!!

Synkronized - Jamiroquai (1999)

1. Canned Heat
2. Planet Home
3. Black Capricorn Day
4. Soul Education
5. Falling
6. Destitute Illusions
7. Supersonic
8. Butterfly
9. Where Do We Go From Here
10. King For a Day
11. Deeper Underground

Para baixar clique: PenseaRespeito

Jamiroquai - Canned Heat

Caso Isabella

para ampliar clique na imagem


E o assassinato da garotinha Isabella? Tá todo mundo falando, vou falar aqui também.

Violência contra criança, sempre mexe mais com todo mundo. É covarde e a gente pra tentar entender o que passa na cabeça de quem faz isso, tem que ir sempre pro lado da doença e/ou, como vi ontem numa entrevista de um médico, jogar para quem tem algum tipo de estreitamento da inteligência. Imaginar que uma pessoa normal tem a capacidade de praticar atos dessa natureza, é ao mesmo tempo reconhecer que não se pode mais sair à rua. Complicado!
Bom, eu não sei quem matou a menina. Você que tá lendo sabe? Ah, certeza ninguém tem, mas os suspeitos todo mundo sabe apontar. O pai e a madrasta da criança.
Não é brincadeira não, o povo é o “melhor” dos detetives, não tem Sherlock Holmes páreo pra opinião pública.
Eu sei que tá complicado, que há muita contradição, que tudo indica pai e madrasta como assassinos, mas a verdade é que até agora ninguém conseguiu provar nada contra os dois, tanto que hoje conseguiram sair da cadeia através de hábeas corpus.
Meu, que perigo isso aí. E se não for o casal responsável pelo crime? Se for uma terceira pessoa, na vida da gente não muda nada, vai se esquecer muito fácil, agora pra eles que vivem a situação como que fica? Será que quem acusa vai lá pra pedir desculpas? Em sendo inocentes, reparação na cabeça dessas pessoas ninguém nunca vai conseguir fazer de modo justo. É muito grave!
E a imprensa? E a justiça? No meu modo de ver ambos não conduzem como devem a coisa. Cuidado nenhum, pré-julgamento total.

Como diz a música do Chico Buarque:

“Joga pedra na Geni”.

Ouvindo: Olhos Coloridos - Funk Como Le Gusta (Roda de Funk)

Um Contrato com Deus - Ed Motta


Um Contrato com Deus - Ed Motta (1990)

1. Do You Have Other Love
2. Rub U'Dub Styley
3. Body
4. Ed's Blues
5. Já!!!
6. Party Everywhere
7. Solução
8. What would you like?
9. Um Jantar pra Dois
10. Bye-Bye Bird
11. Shake Shake Baby
12. Ed's Reggae
13. Sombras do meu Destino
14. Ed's Groove
15. Um Contrato com Deus
16. Goodnight Irene
17. Do You Have Other Love (Versão Cordas)
18. Solução (Versão Remix)

Para baixar clique: PenseaRespeito

terça-feira, abril 08, 2008

Anonimato

para ampliar clique na imagem


Na sociedade atual, o que somos todos senão um bando de anônimos? Ninguém viu, ninguém sabe de nada, ninguém conhece ninguém. Ninguém se envolve.
Somos anônimos, porque queremos ser, porque é confortável, porque é seguro. O anonimato nas grandes aglomerações funciona como proteção, mas ao mesmo tempo distancia, esfria as relações, individualiza.
Acredita-se que quanto menos se conhece a pessoa do lado, proporcionalmente menor também será a interferência dos problemas dela na vida da gente. Não vem dizer que não, pois é assim mesmo que a grande maioria pensa principalmente em cidade grande. Quem ajuda alguém caído na rua? O que vem logo a cabeça, é que é um safado cachaceiro sendo consumido pela pinga. Se bobear, neguinho pula por cima e segue a vida.
Quer saber a real? Até pra escrever, pra transmitir um pouco do pensamento se tem receio, afinal de contas, quer maior exposição do que a gente colocar pra fora o que se passa na nossa cabeça? Eu que tomei um pouco de coragem, agora pra parar lascou! A sensação de liberdade é boa demais pra querer voltar pro esconderijo do “ninguém me viu”.
É evidente que não é quem tem blog que pensa, não é quem escreve que tem opinião, todo mundo tem e justamente por isso, já pensou que legal se todo mundo decidisse falar?! A gente não sabe a real força que tem as idéias.
Mas espera aí, o que é isso, uma convocação geral à produção de conteúdo? Sim, por que não? Conteúdo de que? Ué, você decide.
A escolha é de cada um, permanecer invisível ou tornar-se um “aparecido” é opção. Qual a sua escolha? Pense a Respeito.


Ouvindo: The Difference - The Sound Providers (Looking Backwards: 2001-1998)

Laila Ali

para ampliar clique na imagem


para ampliar clique na imagem



Ouvindo: The Field - The Sound Providers (Looking Bakwards: 2001-1998)

Looking Backwards: 2001-1998 - The Sound Providers


Putz, tô há um tempo procurando esse play do Sound Providers e é aquela coisa, pode demorar, mas quem procura acha. Jazz-rap de primeira, pra quem curte a mistura é recomendadíssimo. Toma essa!!

Looking Backwards: 2001-1998 - The Sound Providers (2006)

1. Intro
2. Dope Transmission
3. The Field
4. J Rocc Radio Promo
5. Get Down
6. No Time
7. Choc Promo
8. Breath Testing
9. The Difference
10. Yes Yall
11. That's It
12. Who Am I
13. 71 Promo
14. Fresh Rhymes
15. DL Promo
16. Who Am I (Remix)

Para baixar clique: PenseaRespeito

Ouvindo: Who Am I - The Sound Providers (Looking Backwards: 2001-1998)

domingo, abril 06, 2008

Ed Motta e Conexão Japeri


Tô postando o primeiro disco do carioca Ed Motta.
Apresentado como o sobrinho de Tim Maia, Ed Motta já chegou com uma baita de uma responsa. O cara tinha que ter um trampo, pelo menos no nível do tio famoso.
Hoje em dia, com uma carreira melhor consolidada, as comparações parecem ter diminuído, mas ninguém esquece o parentesco visível na voz e no jeito rechonchudo de ser.

Ed Motta e Conexão Japeri - Ed Motta (1988)

1. Manuel

2. Vamos Dançar
3. Lady

4. Seis da Tarde
5. Um Love

6. Baixo Rio
7. Caminhos (não é só o meu)
8. Parada de Lucas

9. A Rua


Para baixar clique: PenseaRespeito

Ouvindo:
Manuel - Ed Motta (Ed Motta e Conexão Japeri)

Ed Motta - Manuel

O cara é bom.

Tim Maia 1972


Tim Maia - Tim Maia (1972)

1. Idade
2. My Little Girl
3. O Que Você Quer Apostar
4. Canário do Reino
5. Já Era Tempo de Você
6. These Are The Songs
7. O Que Me Importa
8. Lamento
9. Sofre
10. Razão de Sambar
11. Pelo Amor de Deus
12. Where Is My Other Half

Para baixar clique: PenseaRespeito

Ouvindo: Get Down - The Sound Providers (Looking Backwards: 1998-2001)

Maxwell

para ampliar clique na imagem


Vou falar a real. Eu tinha uma certa bronca (dor de cotovelo) desse tal de Maxwell aí. Biquinho dali, pose daqui, charminho, clipe na banheira com espuminha de sabão. Não me dava ao trabalho nem de ouvir a música inteira.
É cara! A resistência era grande, sabe como é moleque novo, machão vai querer saber de "hómi" fazendo pose? Claro que não.
Bom, não mudei minha predileção, mas caí na real. Isso tudo é puro preconceito, o tempo passa a gente aprende.... se o artista é bom, suporta-se a exibição, afinal de contas, se a gente gosta de mulher com pouca roupa, fazendo caras e bocas, porque a mulherada também não pode ver e gostar dessas coisas nos homens. Cada um luta com suas próprias armas. Só que pra ser aprovado, tem que ser bom de verdade...rs
Toma Maxwell aí!




Maxwell's Urban Hang Suite - Maxwell (1996)

1. The Urban Theme

2. Welcome
3. Sumthin' Sumthin'

4. Ascension (don't ever wonder)
5
5. Dancewitme

6. Til The Cops Come Knockin'

7. Whenever Wherever Whatever
8. Lonely's The Only Company (I&II)
9. Reunion

10. Suitelady (The Proposal Jam)

11. The Suite Theme


Para baixar clique: PenseaRespeito



Embrya - Maxwell (1998)

1. Gestation: Mythos/Everwanting: To Want You To Want

2. I'm You: You Are Me And We Are You (Pt. Me & You)

3. Luxury: Cococure

4. Drowndeep: Hula

5. Matrimony: Maybe You
6. Arroz Con Pollo
7. Know These Things: Shouldn't You

8. Submerge: Til We Become The Sun

9. Gravity: Pushing To Pull

10. Eachhoureachsecondeachminuteeachday: Of My Life

11. Embrya


Para baixar clique: PenseaRespeito

Ouvindo
: Luxury: Cococure - Maxwell (Embrya)

Maxwell - Sumthin' Sumthin'

Dream Team

para ampliar clique na imagem


Dream Team só teve um, o de Barcelona em 1992. Os cinco titulares que aparecem aí na capa da Sports Illustrated: Charles Barkley, Pat Ewing, Karl Malone, Magic Johnson e Michael Jordan, tinham como banco Larry Bird, Clyde Drexler, Chris Mullin, Scottie Pippen, David Robinson, John Stockton e o universitário Christian Laettner.
Todos já pararam de jogar, passaram dos quarenta, alguns já batem na porta dos cinquenta anos de idade, mas a bola que jogaram fica na memória, é eterna.

Ouvindo: Undress me Now - Morcheeba (Charango)

The Original Dream Team

sábado, abril 05, 2008

The Roots - U2 Tribute

The Roots cantando U2.

terça-feira, abril 01, 2008

Boicote à Olímpiada de Pequim!!

para ampliar clique na imagem

Os chineses invadiram o Tibet em 1950. A China é sede da Olimpíada de 2008, desde 2001.
Fiz essas afirmações aí pelo seguinte: tá um zumzumzum danado, de se fazer boicote à Olimpíada chinesa pra tentar libertar o Tibet. Piada né, tudo construído, "zilhões" já gastos e vão boicotar? Falou viu.
É grave o negócio, imagina o Paraguai ou a Argentina invadindo o Brasil e forçando todo mundo aqui a rezar a cartilha deles. É mais ou menos o que acontece entre China e Tibet.
Tá muito errada aquela ocupação é bem verdade, mas dizer que vai se boicotar os Jogos Olímpicos agora é até engraçado. Tá errado faz tempo! Por que não vetaram a realização de Olimpíada por lá?! Um país que submete através da força, da pressão uma nação vizinha não merece que seja realizada Olimpíada em seu território. Jogos Olímpicos querem dizer justamente o contrário.
O protesto é válido e tem de ser feito mesmo, inclusive aproveitando a oportunidade durante os jogos, mas dizer que vai boicotar agora é fazer alarde de algo muito difícil de acontecer.
Há grupos que defendem os direitos humanos pelo mundo, que realmente tentam fazer forte o movimento de boicote, mas no fundo sabem que seus próprios países de origem contribuíram e tem interesse para fazer da China palco de Olimpíada. O movimento perde força a partir do reconhecimento dessa situação, além disso, pergunta pro atleta que treinou esses anos todos, que batalhou pra conseguir classificação se ele quer deixar de ir. É ruim hein!


Ouvindo: Stillness In Time - Jamiroquai (The Return Of The Space Cowboy)


Gabrielle Union

para ampliar clique na imagem



Ouvindo: Hip Hop Ville - IAM (Saison 5)

Kool And The Gang - Ladies' Night (1979)